BLOG DO GUSMÃO

Menu

Siga-nos

CONFERÊNCIA DISCUTE DESENVOLVIMENTO DA CULTURA EM ITABUNA

ASCOM: prefeitura municipal de Itabuna.

Primeira Conferencia Municipal de Cultura-01-foto Vinícius Borges“A cultura como mudança social”. Foi com este tema que a Fundação Itabunense de Cultura e Cidadania (FICC) promoveu, durante toda a quarta-feira, 30, no Centro de Cultura Adonias Filho, a I Conferência Municipal de Cultura, para discutir o setor nos seus múltiplos aspectos, além de definir propostas e estratégias para a implantação de uma política cultural em Itabuna.

“A cultura é um direito de todos porque incorpora o cidadão na sociedade e é um vetor do desenvolvimento sócio-econômico porque gera trabalho e renda e ainda promove o entretenimento”, reforça o presidente da FICC, Cyro de Mattos.

Aberta com a apresentação do coral de flauta do professor Carlos Oliveira e a execução do Hino Nacional, a conferência teve como primeiro tema a “Produção simbólica e diversidade cultural”, abordado pelo professor Ruy Póvoas, seguido de uma discussão sobre “Cultura, cidade e cidadania”, conduzida pelo professor Fernando Caldas. Ainda na parte da manhã, os professores Samuel Mattos e Mara Rute Lima falaram, respectivamente, sobre “Cultura e desenvolvimento sustentável” e “Cultura e economia criativa”. Em seguida, grupos se dividiram para a elaboração de propostas e estratégias de acordo com eixos temáticos.

Em pronunciamento na conferência, o prefeito Capitão Azevedo declarou que criatividade é palavra de ordem e, segundo ele, é o que sua equipe tem feito na administração municipal, que trabalha com poucos recursos. “Mas não falta disposição, coragem e o desejo de trabalhar por uma cidade melhor, inclusive, é claro, no setor cultural”. Azevedo destacou o trabalho do presidente da FICC, o escritor Cyro de Mattos, de “buscar alternativas em favor da nossa cultura”.

O encontro contou ainda com presença do secretário de Educação Gustavo Lisboa, o presidente da Fundação Marimbeta, Geraldo Pedrassoli, o diretor de Projeto da Secretaria de Esporte, Paulo Roberto Rezende, o promotor público Eduardo Passos, além de artistas, estudantes e representantes da comunidade. Estiveram também presentes o presidente da Câmara de Vereadores, Clóvis Loiola, o pró-reitor de Extensão da Uesc, Raimundo Bomfim, e o presidente da Fundação Cultural de Ilhéus, Maurício Corso.

WhatsApp
Facebook
Twitter
Email
Print

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Newsletter

Fique Informado

Assine a newsletter e receba as notícias que você não pode perder diretamente no seu e-mail.
É rápido. É fácil. É de graça.

Siga-nos
Mais lidas
setembro 2009
S T Q Q S S D
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930