A TV SANTA CRUZ E O NOME DO MÉDICO

Nada contra os profissionais de jornalismo da TV Santa Cruz.

Mas vai aqui um questionamento à direção da emissora.

No último sábado (27), a TV exibiu reportagem sobre um caso de negligência médica, onde uma mulher, com nove meses de gravidez, não recebeu os cuidados necessários ao parto, e por isso, perdeu a criança. O fato, muito triste, aconteceu no Hospital Manoel Novaes em Itabuna.

O pai, emocionado, explicou o drama, mas, infelizmente, a TV Santa Cruz não divulgou o nome do médico, informação básica capaz de alertar as famílias que aguardam um novo membro.

Quando um jovem de 18 anos, pobre, se envolve num crime que dá boa pauta, a Globo local identifica o suposto criminoso. Sendo assim, por que tanto cuidado (ou medo) com um médico acusado de impedir o nascimento de uma criança?

RAIO-X DA CENTRAL DE ABASTECIMENTO

As carnes ficam expostas ao ar livre.

A Central de Abastecimento do Malhado, em Ilhéus, abriga cerca de mil boxes, divididos em três galpões, além de contar com 300 barraqueiros independentes, que garantem a compra de milhares de pessoas que passam pelo local.

Na central, encontra-se tudo, de verduras e hortaliças, até roupas, restaurantes e salões de beleza, além de muito lixo, desorganização, esgoto a céu aberto, manejo irregular de alimentos e muita negligência do poder público.

A coleta de lixo é deficitária.

Inaugurada no dia 28 de junho (aniversário da cidade) de 1981, a feira do malhado completou 30 anos, e segundo os comerciantes mais antigos, nenhuma reforma significativa foi feita. As instalações elétricas, de água e esgoto, são precárias. Carnes são expostas ao ar livre, contrariando as normas da vigilância sanitária, que exige o refrigeramento desse tipo de material.

Segundo Maria das Graças, que comercializa verduras há 10 anos no local, quando chove, o esgoto não suporta o volume de água e transborda, aumentando o mau cheiro e o risco de proliferação de doenças e a contaminação dos alimentos.

Variedade de produtos e os preços baixos atraem os consumidores.

Para Antônio Barbosa, vendedor de carne, entre os principais problemas da Central estão à violência (ele já teve o box arrombado durante a noite) e a ineficiência da coleta de lixo, que atrai urubus e afasta os consumidores.

Questionado sobre o modo de acomodação das carnes, em cima da bancada e sem refrigeração, Antônio afirma que o problema é corriqueiro. Segundo ele, se o produto for guardado no refrigerador, o cliente não compra.

A rede de esgoto é ineficiente, deixando o sangue correr pelos becos estreitos.

Para vários comerciantes, os problemas da Central são causados pela negligência da prefeitura, já que o município recolhe semanalmente as taxas de manutenção da feira, (que variam de R$ 7,50 a R$ 30, 00) mas não costuma reverter esses ganhos em melhorias.

As fotos são de Andrei Sansil, veja outras.

(mais…)

PORTO SUL EM ILHÉUS, ÓRGÃO DE CONTROLE AMBIENTAL EM ITABUNA

Apesar de jogar pesado para concretizar a implantação do Porto Sul em Ilhéus, projeto que trará riscos ambientais sem precedentes, e irreversíveis para toda a zona norte da cidade, a Secretaria Estadual do Meio Ambiente (Sema) pretende transferir o escritório ilheense do Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema), para Itabuna.

O motivo seria econômico, já que o órgão funciona, em Ilhéus, numa sala alugada, com pouca visibilidade e sem espaço físico. Indo para Itabuna, funcionaria num prédio próprio.

O órgão responde por Unidades de Conservação importantes no sul da Bahia, como a Área de Proteção Ambiental da Lagoa Encantada, a Mata da Esperança em Ilhéus, e toda a costa marítima do sul da Bahia.

A perda da autonomia sobre o escritório representa prejuízos significativos, ainda mais para Itabuna, já que a cidade vizinha não possui, ao menos, uma unidade de preservação ambiental.

PROPOSTA ANTIDEMOCRÁTICA DE NEWTON LIMA

O prefeito de Ilhéus, Newton Lima, mandou à câmara de vereadores, em maio deste ano, o projeto de lei municipal que altera a forma de seleção dos conselheiros tutelares da criança e do adolescente.

Segundo o CONANDA (Conselho Nacional de Direitos da Criança e do Adolescente) e o Artigo 131 do ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente), a escolha dos conselheiros deve acontece por meio de eleição direta da população, mas o prefeito quer mudar as regras, e indicar por conta própria os novos membros.

O projeto, nada democrático, será votado na amanhã terça-feira (30), às 16h, no plenário da câmara. 

FALTA RECEITUÁRIO MÉDICO NO PSF DO SALOBRINHO

O posto de saúde do bairro Salobrinho, em Ilhéus, passa por problemas que vão desde a falta de material, até dificuldades físicas.

A unidade está sem medicamentos, material para curativos, como gaze, álcool e esparadrapo, além de papel para receituário médico. Os médicos são obrigados a prescrever os remédios em folha de ofício ou, até mesmo em cadernos.

Todas as vezes que chove, a água vaza pelas paredes, alagando o interior da unidade, e forçando a suspensão do atendimento.

O bairro conta com dois postos do Programa de Saúde da Família (PSF), todos com os mesmos problemas. 

ECONOMIA NORDESTINA CRESCE MAIS QUE A NACIONAL

A economia da região Nordeste continua crescendo num passo acelerado, descolada do resto do país e sem sentir os efeitos das medidas adotadas pelo governo para esfriar a atividade econômica e combater a inflação.

Enquanto os estados nordestinos foram impulsionados por investimentos do governo federal e de empresas privadas, o enfraquecimento da indústria e o aumento das taxas de juros fizeram o Sul e o Sudeste trocar de marcha.

De acordo com projeções do Banco Central, a economia brasileira cresceu 1,1% no primeiro trimestre do ano e 0,7% no segundo trimestre, sempre em relação ao período imediatamente anterior.

O Sudeste cresceu 1,4% no primeiro trimestre e 0,6% no segundo, segundo o BC. No Nordeste, a economia manteve no segundo trimestre o mesmo ritmo do começo do ano, crescendo 1,6%.

Informações da Folha de São Paulo.

JUDICIÁRIO PARA CONTRA AS MUDANÇAS NO PLANSERV

Os servidores públicos do Estado da Bahia decidiram, em Assembleia da Federação dos Trabalhadores Públicos Estaduais (FETRAB), na última quinta-feira (25), paralisar as atividades amanhã (terça-feira, 30) e quarta-feira (31).

O funcionalismo cruza os braços por causa da votação do Projeto de Lei 19.394/11 que prevê alteração nos limites de uso do Planserv, e será votado amanhã (terça-feira, 30) na Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA).

O Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário (Sinpojud) informa que vai aderir à paralisação total de 48 horas. Por entender que as mudanças no Planserv violam os direitos dos trabalhadores públicos estaduais, e por isso marchará com a FETRAB em mais esta luta.

PROJETO MEMÓRIAS DO RIO CACHOEIRA

O projeto “Memórias do rio Cachoeira” (MRC) realiza sua segunda etapa: a produção do documentário. A equipe sai às ruas, casas e margens do rio em busca de imagens e sons que traduzam as lembranças de uma gente que vive direta ou indiretamente do Cachoeira. O documentário vai revelar as memórias de um “rio que faz parte da história do nosso povo, mas que está em estado de coma, implorando por sobrevivência”, como reflete o roteiro.

A equipe de produção é composta por Victor Aziz (diretor), Edson Bastos (diretor assistente e captador de recursos), Cristiane Santana (produtora executiva), Roberta Miranda (diretora de produção), Felippe Thomaz (diretor de fotografia), Dario Honorato (cinegrafista) e Henrique Filho (making-of). Juntos desde o dia 18 deste mês, eles já gravaram com lavadeiras, aguadeiros, areeiros, pescadores, ambientalistas, historiadores, sociólogos e outras personalidades relacionadas ao Cachoeira. As gravações terminam na próxima segunda, 29.

O documentário é o segundo produto do MRC e vai ficar pronto no final de setembro. Outra produção do projeto é o CD com 12 poemas de autores itabunenses – como Cyro de Mattos, Ruy Póvoas, Daniela Galdino, Lorenza Mucida e outros – que foram musicados pela banda Manzuá e está em fase de finalização. O lançamento do box com o CD e DVD está previsto para novembro.

(mais…)

ITAMARATY GASTA R$ 80 MIL EM UÍSQUE

O Itamaraty, porta-voz do Palácio do Planalto no exterior, tem a tradição de realizar eventos diplomáticos nos seus grandes salões.

Para manter o costume, segundo o site “Contas Abertas”, do UOL, o ministério recarregou sua adega ao comprar 1.098 garrafas de uísque.

São 488 unidades de um litro, com envelhecimento mínimo de oito anos, custando R$ 45,99 cada, além de outras 610 garrafas, também de um litro, mas com envelhecimento de 12 anos, com preço avaliado em R$ 78,72 cada. A compra custou cerca de R$ 80 mil.

Houve a exigência, nos dois casos, de que o envelhecimento fosse a barril de carvalho, de primeiro ou segundo uso. Outra exigência é a procedência do destilado, que deverá ser produzido, envelhecida e engarrafada unicamente na Escócia.

FEIRA DE PRODUTOS USADOS DO ABRIGO SÃO VICENTE

O Abrigo São Vicente de Paulo convida toda comunidade ilheense para participar da feira de cacarecos, que terá a renda revertida em benefícios para os idosos do abrigo.

As doações da comunidade serão colocadas à venda, no dia 03 de setembro, a partir das 7h, em frente à antiga loja Ilhéus Motor, no bairro Malhado.

Serão oferecidos produtos eletrônicos como TVs, computadores, impressoras, e ar-condicionado, além de camas, colchões, roupas, sapatos, bolsas e objetos de decoração.

IBGE: INSCRIÇÕES ABERTAS PARA 4.250 VAGAS

Estão abertas as inscrições para o concurso do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (clique aqui para se inscrever). O certame selecionará 4.250 candidatos para trabalhar, de forma temporária, como agente de pesquisas e mapeamento, que exige nível médio.

O salário é de R$ 850. Há vagas para Ilhéus e Itabuna, além de outras cidades baianas. A jornada de trabalho será de 40 horas semanais. Os serviços serão prestados pelo prazo máximo de 24 meses.

O contratado receberá auxílio-alimentação e auxílio-transporte, além de ter direito a férias e ao 13º salário.

As inscrições serão encerradas no dia 19 de setembro, com taxa única de R$ 20.

Veja abaixo o edital e o quadro de vagas do concurso.

(mais…)

JABES É CANDIDATO A PREFEITO?

Reproduzimos nota da coluna Malha Fina, do jornal A Região.

Jabes Ribeiro é mesmo candidato a prefeito de Ilhéus? Ele não vem agindo como candidato, tentando agregar partidos e sim fazendo o oposto, como se quisesse sabotar o próprio nome de propósito. Bobo ele nunca foi. 

BANG BANG, CINISMO E MORTES

Por Malu Fontes

Enquanto grupos políticos, em Brasília, cada vez mais se assemelham a quadrilhas brigando de foice por e para tirar cada moeda possível dos cofres públicos, ao ponto de um ministro de Estado, numa espécie de chantagem nada velada para bom entendedor, insinuar que se uns continuarem denunciando os outros vai haver derramamento de sangue entre irmãos e todos morrerão, no chão do país de verdade quem está morrendo mesmo é a população desprovida de saúde. Nos últimos dias, um exemplo nacional e outro local exibidos pela televisão estamparam o quanto o mar de corrupção e as intrigas políticas geradas em torno dele se traduz no dia a dia na ausência do estado na vida de quem precisa ou na prestação de serviços inclassificáveis de tão desumanos.

Em agosto, os telespectadores baianos foram assombrados por imagens de um exército de mais de 2.000 pessoas doentes derretendo de calor, cansaço e sofrimento físico em frente ao Hospital Ana Nery, indicado pelo poder público como o hospital de referência em cardiopatia. Embora nada justifique a presença de dois milhares de pessoas implorando por atendimento médico desde a madrugada até o meio da tarde para pegar esse perverso direito de voltar para casa com esperança de ser atendido um dia, ou seja, o direito à tal da senha para obter uma ficha, os responsáveis pela unidade vieram para a frente das câmeras explicar que havia ocorrido tão somente um erro no sistema de agendamento. Para quem via as imagens e o desespero das pessoas no local era impossível aceitar a tese de que tudo poderia ser reduzido a um erro de sistema.

(mais…)