BLOG DO GUSMÃO

Menu

Siga-nos

CESAR BENJAMIN E AS MÁXIMAS DA ESQUERDA

Por Cesar Benjamin.

De vez em quando ainda passo a vista em debates da esquerda. Não sei se choro ou se rio.

“´É importante aumentar as nossas forças e isolar o adversário.”

“Devemos nos juntar no momento adequado.”

“Precisamos adotar a tática correta.”

“Queremos unidade na diversidade.”

“Queremos diversidade na unidade.”

“Não aceitamos reducionismos.”

“É preciso avançar, mantendo a cautela.”

Há, também, as previsões de longuíssimo prazo, quando todos estaremos mais do que mortos.

Por aí seguem os que não têm nada a dizer. Que são muitos. Ou quase todos. Sempre com ares de profundidade.

Durante décadas, redigi e entreguei à esquerda muitas dezenas, talvez algumas centenas, de textos que são a antítese disso, sem reivindicar autoria. Análises precisas. Com acertos e erros, mas precisas. Como tais, passíveis de refutação (as platitudes, por definição, não podem ser refutadas).

Essa fase da minha vida passou. A única autocrítica que tenho a fazer é a de ter esperado tempo demais. Fui paciente demais, leal demais, desapegado demais, crédulo demais. Passou.

Cesar Benjamin é secretário municipal de Educação do Rio de Janeiro, jornalista e editor. Participou da luta armada contra a ditadura militar no Brasil. Texto publicado no Facebook.

WhatsApp
Facebook
Twitter
Email
Print

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Newsletter

Fique Informado

Assine a newsletter e receba as notícias que você não pode perder diretamente no seu e-mail.
É rápido. É fácil. É de graça.

Siga-nos
Mais lidas