REPRESENTAÇÃO PEDE QUE MP INVESTIGUE GASTOS DO CARNAVAL DE ITABUNA

Prefeito de Itabuna, Fernando Gomes (sem partido) na entrega da chave de abertura da folia.

Na última sexta-feira (26), o vereador Jairo Araújo (PC do B) protocolou no Ministério Público da Bahia (MP-BA) uma representação para solicitar uma apuração rigorosa sobre os gastos no Carnaval antecipado de Itabuna e o suposto uso de dinheiro público na contratação de atrações e estruturas para camarotes privados.

O documento supõe que houve indícios de improbidade administrativa. “Todas as evidências demonstradas no documento levam a crer na utilização de recursos públicos para benefícios de particulares”, afirma.

O vereador também suspeita que pode ter havido desvio de dinheiro público. “A empresa que instalou a estrutura para os camarotes privados foi a mesma para os camarotes contratados pela prefeitura”. explica. O documento tem fotos e “prints” dispostos em anexo.

Araújo ainda aponta privilégios políticos no Carnaval antecipado. “Além disso, um dos camarotes privados apresentou na relação de seus parceiros o filho do prefeito, que é conhecidamente pré-candidato nas próximas eleições. Isso configura abuso de poder”.

Caso o MP confirme as irregularidades, o documento solicita que sejam adotadas as sanções conforme o artigo 12 da Lei de Improbidade Administrativa, nº8429/92, que determina a perda da função do agente público e suspensão dos direitos políticos.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *