Delegacia da mulher prende pastor/psicólogo acusado de estuprar pacientes

Pastor/psicólogo é acusado de impor o seu sexo como parte do tratamento. Foto: Ascom/Polícia Civil.

George Hilton Brito Pereira, de 49 anos, foi preso na quarta-feira, 16, por investigadores da Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam), de Teixeira de Freitas, após ser denunciado por estupro por três de suas pacientes. Os crimes teriam ocorrido no consultório onde ele atuava como psicólogo, no bairro Recanto do Lago, em Alcobaça, cidade do extremo sul da Bahia.

A polícia apurou que Hilton alegava que a prática sexual fazia parte do tratamento psicológico e, assim, teria violentado pelo menos três mulheres, entre 19 e 20 anos. O acusado também é pastor numa igreja de Alcobaça.

A delegada Viviane Scofield solicitou à justiça um mandado de prisão contra Hilton, com base nas denúncias. Com a ordem em mãos, policiais da unidade especializada cumpriram o mandado e o pastor/psicólogo encontra-se à disposição da Justiça.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *