Marão vai unir cultura e turismo numa secretaria. Pawlo Cidade não foi ouvido

Notinhas.

Pawlo Cidade: respeitado por artistas e ignorado por Marão. Fotos: Google.

Reunido com o Alto Comando de Uruçuca/Itabuna (ACUI), o prefeito Mário Alexandre decidiu juntar cultura e turismo numa só pasta. O secretário de cultura, Pawlo Cidade, não foi chamado para conversar.

Respeitado por artistas e conselheiros do segmento, Cidade sempre manifestou posicionamento contrário à junção das áreas. Purista e utópico, reveste a cultura com aura capaz de imunizá-la diante do capitalismo, que transforma tudo em mercadoria.

Na visão do secretário, as manifestações tradicionais da cultura popular não podem ser instrumentalizadas para atrair turistas.

É uma visão romântica, conceitualmente correta, que sequer foi ouvida.

Já está decidido.



2 responses to “Marão vai unir cultura e turismo numa secretaria. Pawlo Cidade não foi ouvido

  1. O governo municipal está completamente perdido. O Municipio de Ilhéus é essencialmente Cultural e que além do acervo cultural temos vários seguimentos relacinados a area cultural: Musicos, artesanatos, ballet, cantores e compositores, atores, entre outros. O turismo é outra pasta a parte que deve ser também exclusiva com pessoa capacitada e não apadriado. Pawlo Cidade é detentor de curriculo invejavel. E quem será do turismo?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *