Tandick Resende quer mais transparência no portal da Câmara Municipal de Ilhéus

O vereador Tandick Resende.

Hoje, os dados gerados pelo site cmilheus-ba.portaltp.com.br não permitem uma visão ampla das informações para controle, ou seja, disponibilizando um maior número de dados num único documento de fácil descortino pelo analista, como, por exemplo, a lotação do assessor parlamentar, o número de assessores por cada vereador e nem mesmo as suas remunerações mensais, sendo necessário acessar o link “detalhes” para que se obtenham num extrato individualizado as informações principais que possibilitem o controle por parte dos órgãos de fiscalização, inclusive, intestinamente, por todos os pares e bem assim o próprio controle social.

Nesse sentido o vereador e defensor público ainda afirma que ”Nem toda informação pública é necessariamente transparente, pois não bastam, apenas, os meios que garantam o seu conhecimento, sendo imprescindível a visibilidade que garanta o controle dos dados informativos.”

Por isso em defesa da LAI- Lei de Acesso à Informação (Lei Federal no 12.527/2011) Art. 8, Dr Tandick protocola o referido requerimento.

Veja o requerimento na íntegra no link a abaixo:

https://drive.google.com/file/d/1g4CsEURhuY–F3DUVNsUcavUQRTO2fts/view?usp=sharing



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *