Tribunal de Justiça mantém proibição de retiradas de árvores na Av. Soares Lopes

Prefeitura de Ilhéus derrubou 7 árvores na Avenida Soares Lopes em 2020. (Foto: reprodução \ Nossa Ilhéus)

A desembargadora Sílvia Zarif decidiu que o município de Ilhéus continuará impedido de retirar árvores na Avenida Soares Lopes, até a finalização do processo judicial iniciado pelo Movimento Preserva Ilhéus.

Na prática, a decisão do Tribunal manteve o posicionamento da Juíza Karine Nassri, da Vara da Fazenda Pública, que em novembro de 2020 determinou a suspensão de toda retirada de árvores na Soares Lopes até término da ação na Justiça.

O processo judicial teve início após a Prefeitura de Ilhéus realizar o corte de 7 amendoeiras em julho de 2020. Segundo o grupo Preserva Ilhéus, este fato provocou graves prejuízos à fauna e flora da cidade.

Parte da ação também tratava das árvores suprimidas na zona sul para duplicação da rodovia e foi objeto de acordo para replantio de espécies apropriadas, em janeiro deste ano. Contudo, o mesmo acordo foi descumprido pelos réus, e o Preserva Ilhéus ainda aguarda decisão judicial sobre este fato.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *