Prefeito discute na câmara projetos ambientais para Itacaré

O professor Rui Rocha e o prefeito Antonio de Anizio junto com os vereadores de Itacaré. Foto: ASCOM.

O prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio, participou nessa terça-feira (31) de uma sessão na Câmara Municipal de Vereadores onde apresentou uma série de projetos ambientais e sustentáveis que estão sendo desenvolvidos, em especial a proposta de transformar o Campo Cheiroso num orquidário e protegê-lo ambientalmente.

O objetivo, segundo destacou o prefeito, é recuperar essa área e implantar um campo de pouso, devolver a vegetação nativa e garantir a preservação, tendo em vista a importância ambiental desse lugar.

Antônio de Anízio também falou sobre o projeto de plantar um milhão de árvores no município, que já foi iniciado, bem como, as estratégias de recuperação das nascentes de Itacaré.

Outro importante projeto apresentado pelo prefeito foi o do Lixão Nunca Mais, que vai acabar de vez com o lixão, garantindo uma nova destinação dos resíduos sólidos, colaborando com o meio ambiente e possibilitando melhor qualidade de vida para os catadores. Tudo isso somado ao Programa de Coleta Seletiva, que já foi implantado, inicialmente em todos os órgãos públicos no município, mas que será estendido para toda a cidade já a partir de setembro.

Foto: ASCOM.

A sessão contou com a participação do engenheiro agrônomo e professor da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), Rui Rocha, que apresentou um estudo sobre o ecossistema do Campo Cheiroso, destacando todo o potencial, as riquezas naturais e importância do espaço para o meio ambiente.

De acordo com o estudo, o Campo Cheiroso desempenha um papel fundamental no direcionamento das águas superficiais que abastecem nascentes das bacias do Capitão, Tijuípe, Jeribucaçu, Itacarezinho e Engenhoca. Também ressaltou a riqueza de espécies encontradas no local, o que reafirma cada vez mais a necessidade de preservar esse importante espaço natural de Itacaré.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *