Acusado de mandar matar pediatra é preso em Barreiras

Um homem apontado como mandante do homicídio do médico pediatra Júlio César de Queiroz Teixeira, de 44 anos, teve o mandado de prisão temporária cumprido, na tarde de sexta-feira (22), ao se apresentar na 11ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin) de Barreiras.

Outras quatro pessoas envolvidas no crime, ocorrido no dia 23 de setembro, na clínica onde a vítima trabalhava na cidade de Barra, já foram presas e permanecem à disposição da Justiça. Um capacete e a motocicleta usada por um dos suspeitos também foram apreendidas.

“A Polícia Civil empregou várias técnicas de investigação e instrumentos de inteligência para identificar e localizar todos os envolvidos no crime”, ressaltou a diretora do Departamento de Polícia do Interior (Depin), delegada Rogéria Araújo, destacando o empenho de equipes da 14ª Coorpin/Irecê na elucidação do homicídio.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *