Multidão se reúne para ver ressurreição de pastor que não aconteceu

Na segunda-feira (25), uma multidão se reuniu em uma funerária no interior de Goiás para esperar a ressurreição de um pastor. Huber Rodrigues deixou um documento assinado dizendo que reviveria três dias após sua morte. O religioso morreu na última sexta (22) por complicações cardiorrespiratórias em um hospital de Itumbiara.

A mulher do pastor se negou a liberar o corpo do marido para ser enterrado, mas o prazo se esgotou às 23h30 desta segunda, o horário prometido por ele.

“Minha integridade física tem que ser totalmente preservada, pois ficarei por três dias morto, sendo que no 3ª dia, eu ressuscitarei. Meu corpo durante os três dias não terá mau cheiro e nem se decomporá, pois o próprio Deus terá preparado minha carne e meu cérebro para passar por essa experiência”, escreveu na carta.



One response to “Multidão se reúne para ver ressurreição de pastor que não aconteceu

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *