Sefaz irá notificar 100 mil veículos com placas 9 e 0 por atraso no IPVA

IPVA 2019

Até o final do mês de novembro, a Secretaria da Fazenda do Estado (Sefaz-BA) irá notificar 100 mil veículos com placas de finais de 9 e 0 pela falta de pagamento do IPVA 2019. Os contribuintes que ainda não quitaram o seu imposto devem regularizar o quanto antes a situação e assim evitar a cobrança de multas e juros que passam a incidir logo após a notificação. Para quitar o IPVA, o contribuinte deve dirigir-se a uma agência ou caixa eletrônico do Banco do Brasil, do Bradesco ou do Bancoob, com o número do Renavam em mãos.

A Sefaz-BA já havia notificado 208 mil automóveis com placas de finais 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7 e 8 pelo atraso do imposto. Por meio do site da Sefaz, os proprietários de veículos podem consultar se estão enquadrados nessa situação. Para isso, basta acessar a opção “Inspetoria Eletrônica” => “IPVA” => “Relação de Notificados” e informar o número do Renavam. Quem tiver sido notificado deve imprimir o Documento de Arrecadação Estadual (DAE) também no site da Sefaz-BA, clicando em “Inspetoria Eletrônica” =>”IPVA”=> “Relação de Notificados” => “Emissão de DAE “ e quitar o débito em qualquer banco, com desconto de até 70% sobre o valor da multa caso o pagamento seja efetuado antes do ajuizamento da execução fiscal.

Vale ressaltar que, para obter o licenciamento do veículo, é preciso, além de quitar o IPVA, realizar o pagamento da taxa de licenciamento, do seguro obrigatório e de eventuais multas de trânsito junto ao Detran. Este procedimento também deve ser realizado nos bancos do Brasil, Bradesco ou Bancoob e após o pagamento do DAE de IPVA já notificado. Mais informações podem ser consultadas no site da Sefaz ou por meio do Call Center da Sefaz-Ba, pelo 0800 071 0071.

Inep analisará pedido de estudante que se sentiu prejudicado no Enem

Caso a reclamação seja confirmada estudante fará nova prova. Foto: Marcello Casal Jr Agência Brasil

Fonte: Agência Brasil

O estudante que se sentiu prejudicado no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) poderá informar o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) a partir do dia 11. Cada caso será analisado e o participante poderá ter direito a fazer a prova novamente.

“Caso você tenha se sentido prejudicado com relação à logística de aplicação do exame no primeiro dia, compareça ao segundo dia e registre sua reclamação na Página do Participante a partir do dia 11 de novembro”, orienta a coordenadora de Procedimentos de Aplicação do Inep, Patrícia Onório.

De acordo com o edital do Enem, o participante tem cinco dias úteis após o segundo dia de aplicação do exame, no dia 10 de novembro, para registrar a reclamação. Poderão ter direito à reaplicação aqueles que foram afetados por problemas logísticos. Os casos serão julgados, individualmente, pela Comissão de Demandas.

São considerados problemas logísticos fatores como desastres naturais que prejudiquem a aplicação devido ao comprometimento da infraestrutura do local; falta de energia elétrica que comprometa a visibilidade da prova pela ausência de luz natural; e erro de execução de procedimento de aplicação pelo aplicador que leve ao comprovado prejuízo do participante.

Os estudantes que sentiram alguma indisposição ou problema de saúde e tiveram que sair da sala onde estava sendo aplicada a prova não terão direito à reaplicação, segundo as regras do exame. (mais…)

Organização de navio-livraria se compromete com ações de reparação após postagem discriminatória

Representante do presidente da OM Brasil assinou acordo na tarde de ontem com o MP.

A organização responsável pelo navio Logos Hope, Operação Mobilização Brasil (OM Brasil), se comprometeu ontem, dia 4, a realizar ações de reparação do dano causado pela postagem de cunho discriminatório contra Salvador e sua população publicada em rede social. De acordo com o Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) assinado com o Ministério Público estadual, a OM Brasil deverá publicar um pedido de desculpas oficial em dois jornais impressos de Salvador até a próxima quarta-feira, dia 6 de novembro. Além disso, a organização deverá produzir e custear um vídeo de três minutos sobre a temática do racismo religioso com representantes de diversas crenças. O vídeo deverá ser difundido nas redes sociais e nas principais emissoras locais de televisão a partir do dia 18 de novembro. O roteiro e as versões finais dos materiais deverão ser aprovados pelo Ministério Público. Em caso de descumprimento, a OM Brasil estará sujeita ao pagamento de uma multa de R$1.000 por dia.

O acordo foi assinado pela coordenadora do Centro de Apoio Operacional de Direitos Humanos (Caodh), promotora de Justiça Márcia Teixeira, pela coordenadora do Grupo de Atuação Especial de Proteção dos Direitos Humanos e de Combate à Discriminação (Gedhdis), promotora de Justiça Lívia Vaz e pelo advogado Isaías Andrade, que representou o presidente da OM Brasil, o pastor Geremias Bento da Silva. Durante a assinatura, a promotora Márcia Teixeira ressaltou a necessidade de se diferenciar o discurso ofensivo do direito de manifestar uma crença. “O discurso de ódio e a intolerância são um abuso da liberdade de manifestação de crença. O direito à liberdade religiosa não pode ser usado para autorizar a discriminação”, afirmou.

Já a promotora Lívia Vaz explicou que, apesar de não citar uma religião específica, a mensagem ofende principalmente os praticantes de religiões de matriz africana. “Algumas pessoas entendem que a mensagem não trouxe uma ofensa específica. Mas sabemos que, historicamente, são essas religiões que sofrem com essa associação a figuras como ‘demônios’ ou ‘diabo’”, disse. No MP, 90% das denúncias de intolerância religiosa recebidas pelo aplicativo Mapa do Racismo tiveram como vítimas praticantes de religiões afrobrasileiras. Segundo informações dos representantes da OM Brasil, a postagem discriminatória foi elaborada por integrantes da equipe alemã da OM e postada na rede social. Mas o escritório brasileiro, que representa a organização no país, assumiu o compromisso de reparar os danos causados.

Sinebahia Itabuna oferta 10 vagas para vendedor pracista nessa terça-feira (05)

Há 10 vagas para vendedor pracista no SineItabuna nesta terça-feira,05.

Confira abaixo as oportunidades de emprego do Sinebahia Itabuna. As vagas estarão disponíveis nesta terça-feira, 05 de novembro. A agência funciona no Shopping Jequitibá. Não esqueça de levar o número do PIS, PASEP ou NIS, Carteira de Trabalho, RG, CPF, comprovante de residência e certificado de escolaridade.

 

AUXILIAR DE LIMPEZA (PCD)

Vaga Exclusiva Para Pessoas Com Deficiência

Ensino Fundamental Incompleto

Não exige experiência

01 VAGA

 

OPERADOR DE TELEMARKETING (PCD)

Vaga Exclusiva Para Pessoas Com Deficiência

Ensino Médio Completo

Não exige experiência

05 VAGAS

 

SALGADEIRO

Ensino Fundamental Incompleto

Experiência mínima de 6 meses na função

Experiência em fazer doces e salgados

01 VAGA

 

COZINHEIRA

Ensino Fundamental Completo

Experiência mínima de 6 meses na carteira

01 VAGA

 

PIZZAIOLO

Ensino Fundamental Completo

Experiência mínima de 6 meses na função

Possuir disponibilidade de horário

01 VAGA

 

AUXILIAR DE COZINHA

Ensino Fundamental Incompleto

Experiência mínima de 6 meses na função

10 VAGAS

 

ASSISTENTE SOCIAL

Ensino Superior Completo em Serviço Social

Não exige experiência

02 VAGAS

  (mais…)

Mais um barulhento é condenado por poluição sonora em Ilhéus

Imagem Ilustrativa.

O Ministério Público da Bahia ingressou com uma Ação Civil Pública contra João Batista Souza Silva, alegando que em 30 de junho de 2019, por volta das 18:20h, no bairro Nossa Senhora das Vitórias, ele foi flagrado pelo 2º Pel. CIPPA/Porto Seguro causando poluição sonora.

Conforme o processo nº: 8004807-30.2019.8.05.0103, João Batista é acusado de gerar poluição sonora em níveis que resultam em danos à saúde humana, superiores ao permitido pela lei, e que é uma atividade proibida. João não se manifestou e não apresentou contestação ao inquérito, o que fez o MP pedir o julgamento antecipado por poluição sonora.

João foi condenado a pagar uma indenização por danos ambientais, no valor de R$ 2.000,00, que será destinada à conta de auxílio ao Meio Ambiente, Urbanismo e Consumidor de Ilhéus – Camuci, e os valores deverão ser depositados em conta do Rotary Clube de Ilhéus.

Sinebahia Ilhéus tem duas vagas para mecânico nessa terça-feira (05)

Sinebahia Ilhéus tem duas  vagas para mecânico.

Confira abaixo as vagas de emprego disponíveis nessa terça-feira, 05 de novembro, na agência do Sinebahia Ilhéus, que fica na sala 13 do SAC, situado na Rua Eustáquio Bastos, 308, Centro. Não esqueça de levar a carteira de trabalho, RG, CPF, comprovante de residência e de chegar antes das 9.

VENDEDOR ( ESTAGIÁRIO )
vaga exclusiva para estagiário
Ensino médio completo
01 VAGA

OFICIAL DE SERVIÇOS GERAIS
Ensino médio completo
Experiência mínima de 06 meses comprovada em carteira de trabalho
Possuir conhecimento na área de restaurante
Apresentar Carta de Referencia
01 VAGA

BALCONISTA
Ensino médio completo
Experiência mínima de 06 meses comprovada em carteira de trabalho
Apresentar Carta de Referencia
01 VAGA

TÉCNICO DE REFRIGERAÇÃO
Ensino Médio Técnico em Refrigeração
Experiência mínima de 06 meses comprovada em carteira de trabalho
Possuir Curso NR10, NR35
01 VAGA (mais…)

PSOL divulga notas em defesa de Shi Mário

Shi Mário recebeu notas de defesa das executivas municipal e estadual do PSOL.

Na última quinta-feira, 31, policiais civis cumpriram mandado de busca e apreensão expedido pela 2ª Vara Crime de Ilhéus, na residência de Mário Bittencourt Schneider, no bairro Hernani Sá. Os investigadores afirmam que por meio da página “IlheusDaDepressao”, hospedada no Facebook, Shi Mário, como é conhecido, disseminou acusações sem provas contra o promotor do MPE-BA, Paulo Sampaio, da 11ª Promotoria de Ilhéus. Crime,  que segundo as investigações, ocorreu nos dias 17 e 19 de setembro deste ano.

Na casa do servidor municipal foram apreendidos dois smartphones e um notebook que segundo a polícia, serviam para difundir ofensas e acusações sem provas na internet. Segundo a polícia, Shi Mário, se valendo do anonimato, acusou o promotor dos crimes de corrupção e prevaricação enquanto autoridade que fiscaliza o transporte público no município. Clique aqui para saber mais.

Em defesa do servidor público, o partido ao qual ele é filiado emitiu uma nota da executiva municipal e outra da executiva estadual do PSOL. Leia na íntegra as notas enviadas ao Blog do Gusmão.

NOTA PSOL ILHÉUS

A Executiva Municipal do Partido Socialismo e Liberdade – PSOL de Ilhéus, vem travando uma verdadeira batalha contra os abusivos aumentos da tarifa do transporte coletivo de passageiros. Vale lembrar que em dezembro de 2018 o Diretório Municipal do partido entrou com uma representação no Ministério Público do Estado da Bahia. Além do PSOL, outras três organizações também questionaram o aumento da tarifa e as precárias condições do transporte, o que evidencia o possível descumprimento do contrato de concessão envolvendo Prefeitura e as empresas prestadoras do serviço. As denúncias ao MP geraram o Inquérito Civil de nº 001.9.217708/2018, instaurado em 07/01/2019, através da Portaria nº 001/2019, que hoje está na 11a. Promotoria de Justiça sob responsabilidade do promotor Dr. Paulo Sampaio. Em 08/07/2019 o representante legal do partido no município, Jorge Luiz, protocolou no MP requerimento solicitando CERTIDÃO DE OBJETO E PÉ do inquérito instaurado. Em agosto/2019 a certidão foi fornecida, porém sem apontar avanços efetivos, apenas informa que ofícios foram enviados às empresas.

Já se passaram dez meses após a instauração do Inquérito Civil e a providencias não aparecem, a tarifa continua alta, o serviço de péssima qualidade, enquanto isso estudantes e população em geral sofrem dia a dia as consequências desse caos e a morosidade das autoridades em adotar providências. Essa situação tem indignado os militantes do PSOL e mais ainda, a população usuária do transporte coletivo.

O PSOL Ilhéus e a sua militância não vão se calar. A nota de repúdio da Executiva Estadual do PSOL Bahia (que segue abaixo) também expressa o sentimento de toda a direção e militância do PSOL municipal.

Executiva Municipal do PSOL Ilhéus, em 02 de novembro de 2019.

PSOL BAHIA: Nota de repúdio a perseguição política a Shimário Shineider, do PSOL de Ilhéus.

A Executiva Estadual do PSOL Bahia vem manifestar irrestrita solidariedade ao militante do partido, Shimário Shineider, fiscal de posturas da cidade de Ilhéus e ativista do Direito a Cidade e em defesa do transporte público e para todos.

Em um evidente espetáculo promovido com o objetivo de constranger e perseguir Shimário Shineider que vem denunciando o cartel do transporte público na cidade de Ilhéus sem que as autoridades competentes tomem providências a respeito, a Polícia Civil, a mando do promotor do MPE Paulo Sampaio, da 11a. Promotoria de Ilhéus, expediu mandado de busca e apreensão na casa de Shimário, apreendendo computadores e smartphone, e conduziu o militante a delegacia para prestar depoimento. Isso tudo em função das acusações que Shimário pretensamente teria feito no perfil do Facebook “Ilhéus da Depressão” sobre a leniência das autoridades do judiciário quanto ao cartel do transporte na cidade de Ilhéus.

Impressiona que diante de tantos e graves crimes cibernéticos cometidos cotidianamente sem a ação eficaz das autoridades judiciárias, o caso de Shimário tenha recebido atenção desproporcional em uma evidente tentativa de constranger e perseguir um militante que se dedica cotidianamente a lutar pelo Direito a Cidade, a Reforma Urbana e por Transporte Público acessível a todos a todas.

Nós do PSOL reiteramos a nossa solidariedade a Shimário, colocamos assessoria jurídica a disposição do filiado para tomarmos as todas as medidas cabíveis e faremos uma ampla denúncia, em nível municipal, estadual e federal, através de nossa bancada parlamentar e de nossos militantes nos movimento sociais, reverberando por todo país o clima inquisitorial que querem impôr na cidade de Ilhéus.

Democracia popular já!

Em defesa de Shimário Shineider!

Sepromi lança campanha de combate ao racismo no futebol em parceria com o Vitória

Foto: Alberto Coutinho/GOVBA.

Parte das ações que integram o Novembro Negro, o Governo do Estado lançou, no sábado (2), uma ação de combate ao racismo nos estádios e valorização do povo negro no futebol. A ação foi firmada pela Secretaria de Promoção da Igualdade Racial do Estado (Sepromi) em parceria com o Esporte Clube Vitória e apresentada à torcida rubro-negra pouco antes do jogo contra o Figueirense no Estádio Manoel Barradas, em Salvador.

Antes de a bola rolar, atletas do Vitória deram uma volta olímpica no gramado carregando uma faixa com o tema da campanha do Novembro Negro: ‘Todas as vozes contra o racismo, todas as leis contra os racistas’. A mesma frase também foi apresentada em destaque na camisa dos jogadores e continuará presente durante os jogos do time neste ano, inclusive fora de Salvador.

“Estamos conclamando todas as pessoas de nossa sociedade para lutar contra o racismo. O futebol, uma das maiores paixões nacionais, é uma importante ferramenta para alcançar as pessoas. Estamos firmando essas parcerias com o Vitória e vamos seguir dialogando com todas as torcidas do Estado da Bahia. Nosso objetivo é trabalhar juntos para levar nossa campanha aos estádios do Brasil”, afirmou a secretária da Sepromi, Fabya Reis.

Para o presidente do Vitória, Paulo Carneiro, a campanha é importante para o desenvolvimento da ética no esporte. “O vitória é o quinto clube mais antigo do país, tendo sido fundado dez anos após a abolição da escravatura. Temos uma história de desenvolvimento e crescimento em prol de uma comunidade ética e socialmente justa. Combater o racismo deve ser uma luta de todos os dias e de todos nós. É essa sociedade mais justa e igualitária que queremos ter”.

A torcida abraçou a causa. Para o professor Carlos Conceição, ação ganha ainda mais força ao se associar com um time de futebol. “É um gol de placa do Vitória, a ação mais importante que o time realizou esse ano. É o momento de todos combatermos o racismo, não é só papel do Estado, é dever de todas as pessoas, todas as instituições. O esporte envolve tanta paixão e a melhor forma de canalizar esse sentimento intenso é para ações sociais que vão ter um impacto perene na nossa sociedade”.

Enem: 1,2 milhão de inscritos faltaram; 376 foram eliminados

O Ministro da Educação, Abraham Weintraub, e o presidente do Inep. Alexandre Lopes falam sobre primeiro dia de provas do ENEM

Fonte: Agência Brasil

Cerca de 3,9 milhões de pessoas fizeram ontem (3) o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Os cerca de 1,2 milhão de faltosos representam 23% do total de 5,1 milhões de inscritos. Ao todo, 376 pessoas foram eliminadas por descumprirem as regras do exame. Os dados foram divulgados pelo Ministério da Educação (MEC) e pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).

“Deu tudo certo, foi tudo perfeito, funcionou tudo bem. Tivemos a mais baixa abstenção da história”, avaliou o ministro da Educação, Abraham Weintraub. A taxa é mais baixa que a de faltas no primeiro dia de prova do ano passado, quando 24,9% dos inscritos não compareceram ao exame.

O índice total de abstenções no Enem 2019 será fechado apenas após o segundo dia de aplicação, no próximo domingo (10). Quem não fez a prova neste domingo ainda poderá comparecer ao segundo e último dia do exame.

O ministro avaliou o número de eliminados como baixo. Neste ano, o Enem passou a ter uma nova regra, candidatos cujos aparelhos eletrônicos que emitissem qualquer som, mesmo dentro do envelope porta-objetos seriam eliminados.

Vazamento da prova

(mais…)

Manchas de óleo: UESC disponibiliza telefone/WhatsApp para população

SOS Oleo UESC – Foto: Julia Barreto

A Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), através do Programa de Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente (Prodema), está colocando a disposição da população em geral um canal de comunicação oficial para informação sobre o desastre ambiental do derramamento de óleo bruto no litoral de sua territorialidade.

SOS-ÓLEO-UESC-73-3680-5624 é o número que também é WhatsApp. Através dele, a população pode solicitar informações e tirar dúvidas, informar os locais onde as manchas de óleo estão chegando, encaminhar fotos com a dimensão da ocorrência.

Desde quarta-feira (30/10), pesquisadores, professores, diretores de departamentos juntamente com o reitor e vice-reitor, além de segmentos discentes estão reunidos em busca de meios para o enfrentamento da catástrofe ambiental.

SOS-ÓLEO-UESC -73- 3680-5624 (Também é WhatsApp): Informe os locais em que o óleo está chegando através de fotos e localização através do GPS.

Empresa grega é suspeita do vazamento de óleo, diz Polícia Federal

As pessoas removem um derramamento de óleo na praia de Coruripe, estado de Alagoas. REUTERS / Adriano Machado

Fonte: Agência Brasil

A Polícia Federal (PF) deflagrou ontem (1º) a Operação Mácula, com objetivo de investigar uma embarcação grega suspeita de ter causado o derramamento de óleo que atingiu mais de 250 praias nordestinas brasileiras.  A embarcação grega teria atracado em 15 de julho na Venezuela, onde ficou por três dias antes de seguir a Singapura, via África do Sul.

“O navio grego está vinculado, inicialmente, à empresa de mesma nacionalidade, porém, ainda não há dados sobre a propriedade do petróleo transportado pelo navio identificado, o que impõe a continuidade das investigações”, informou a PF. Os dois mandados de busca e apreensão expedidos pela 14ª Vara Federal Criminal de Natal (RN) estão sendo cumpridos no Rio de Janeiro, em sedes de representantes e contatos da empresa grega no Brasil.

As investigações começaram em setembro e contaram com a participação da Marinha, do Ministério Público Federal, do Instituto Brasileiro de Meio Ambiente, da Agência Nacional do Petróleo, Universidade Federal da Bahia, Universidade de Brasília e Universidade Estadual do Ceará, além de uma empresa privada do ramo de geointeligência.

Dessa forma foi possível localizar a mancha inicial do óleo, a 700 km da costa brasileira (em águas internacionais), de extensão ainda não calculada. A partir da localização da mancha inicial, foi possível estimar que o derramamento deve ter ocorrido entre os dias 28 e 29 de julho. Fazendo uso de técnicas de geociência, foi possível chegar “ao único navio petroleiro que navegou pela área suspeita”, naquela data. A Polícia Federal solicitou diligências em outros países, a fim de obter mais dados sobre a embarcação, a tripulação e a empresa.

A PF informou, ainda, que está realizando “diversos exames periciais no material oleoso recolhido em todos os estados brasileiros atingidos, bem como exames em animais mortos, já havendo a constatação de asfixia por óleo, assim como a similaridade de origem entre as amostras”.

Feira de Negócios em Ilhéus abordou crescimento do comércio varejista de lojas 4.0

Adalberto Santos, especialista em Gestão Empresarial, durante sua palestra, com auditório completamente lotado.

Durante palestra realizada na XIV Feira de Negócios e Oportunidades da Faculdade de Ilhéus, sobre o tema “Tendências e inovações do mercado varejista: o papel do empreendedor”, o especialista em gestão empresarial e gestão estratégica de negócios, Adalberto Santos, destacou o crescimento no país do novo modelo de lojas 4.0, que usam a tecnologia para criar uma sintonia entre os ambientes físico e virtual a fim de melhorar a experiência de compra dos clientes.

Adalberto Santos é executivo da empresa Guersola Consultoria & Assessoria de Empreendimentos Gastronômicos e professor do Instituto de Negócios da Gastronomia (ING), e vem prestando serviços a restaurantes e bares em diversas cidades brasileiras para a modernização da gestão nesses estabelecimentos.
Esse novo conceito de vendas proporciona ao cliente uma experiência cada vez mais conectada entre online e offline, e expande as vendas do e-commerce com a ajuda da loja física. Na loja 4.0, o consumidor inicia a jornada de compra no ambiente online e a conclui dentro da loja física.

Santos afirmou que a base tecnológica passou a ser o centro da questão no mercado varejista. Ele apresentou, como exemplos, as inovações adotadas pelas lojas da marca Tramontina e pela rede varejista Riachuelo, que, com esse novo conceito, buscam o reposicionamento no mercado.

Com a instalação de megalojas, a varejista Tramontina complementa os canais físicos com o mundo virtual. Segundo o jornal Diário do Comércio, “a Tramontina investe em loja própria para se aproximar do consumidor e isso inclui uma agressiva transformação digital, investimento em inovação, a adoção do posicionamento premium e sua entrada no varejo com um modelo de loja ambicioso”. (mais…)

Chocolates de cooperativa de Ilhéus fazem sucesso em Paris durante evento gastronômico

Imagem ilustrativa.

Os chocolates da marca Natucoa, com teores de 56%, 70% e 80% cacau, produzidos pela Cooperativa de Serviços Sustentáveis da Bahia (Coopessba), do município de Ilhéus, estão sendo destaque no estande do Brasil, instalado na 25ª edição do Salon Du Chocolat, que acontece até domingo (03), em Paris.

Dedicado exclusivamente ao chocolate e ao cacau, o Salon Du Chocolat é considerado um dos maiores eventos gastronômicos da França. A expectativa é que o Centro de Exposições de Porte de Versalhes, onde o salão é realizado, receba um público de aproximadamente 130 mil visitantes.

A jornalista especialista em confeitaria e chocolate, Chiéko Saïto, degustou os chocolates da Natucoa e disse que eles são produtos diferenciados e apresentam uma excelente opção para crianças e famílias: “O chocolate 56% é uma opção mais saudável, sendo um chocolate ao leite, ele é uma versão mais ideal para famílias com criança, pois tem um gosto bom para todo mundo, por não ser muito doce e nem muito amargo”, avaliou.

Carine Assunção, presidente da Coopessba, destacou a satisfação em representar a produção rural baiana: “A Coopesba, com a marca Natucoa, está aqui representando a agricultura familiar no Salon Du Chocolat, que é a maior feira de chocolate internacional. Estamos aqui mostrando nossos chocolates, produzidos agricultores familiares, que fazem um cacau de qualidade”.

A Coopesba é uma das cooperativas beneficiadas pelo Bahia Produtiva, projeto executado pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), empresa pública vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR). A partir da seleção no edital de Alianças Produtivas, o empreendimento vem trabalhando a melhoria da qualidade da amêndoa do cacau, o aumento da produção, e qualificando o processo de comercialização.

O Salon Du Chocolat tem o objetivo de estabelecer a ligação entre as diferentes partes que compõem a cadeia produtiva do cacau ao chocolate, reunindo os principais países produtores e consumidores do produto. O evento destaca também as novas tecnologias empregadas nas fábricas de chocolate, as inovações e tendências e permitem a troca de experiências entre os participantes.

Cidadão pode solicitar RG Expresso pela internet

Novo serviço do Instituto de Identificação Pedro Mello (IIPM SSP Ba), o RG Expresso, está disponível através de aplicativo e do portal SAC Digital e permite a solicitação e o resgate da 2ª via da carteira de identidade no prazo máximo de 5 dias. Na foto, página que disponibiliza o serviço no portal SAC Digital. Foto: Fernando Vivas/GOVBA

Uma parceria entre o Departamento de Polícia Técnica (DPT) e a Secretaria de Administração do Estado (Saeb) permite, desde o mês de outubro, que o baiano reimprima o documento de identidade, emitido há no máximo dois anos, ao invés de tirar uma nova via. O RG Expresso pode ser solicitado pelo próprio cidadão ao Instituto de Identificação Pedro Mello (IIPM) por meio do aplicativo móvel ou portal do Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC) Digital. O prazo de recebimento é de até cinco dias úteis após o pagamento da taxa de R$ 37,77.

“O cidadão ou cidadã que teve a sua carteira de identidade emitida há até dois anos atrás e que, na época da identificação presencial, tinha idade mínima de 12 anos pode fazer essa solicitação, que está alinhada às diretrizes do Governo do Estado em proporcionar facilidade, comodidade e celeridade na prestação de serviços, aplicando a tecnologia aliada à segurança”, explicou a diretora do IIPM, Socorro de Maria.

Uma nova via do RG solicitada de forma convencional é entregue de sete a dez dias úteis, após o atendimento presencial nas unidades do SAC. “A nossa expectativa é que com essa emissão do RG Expresso, o cidadão só procure o a unidade de atendimento se, de fato, precisar de um novo documento. O RG expresso vai diminuir a demanda desse setor e ampliar o atendimento para quem realmente precisa do atendimento presencial”, afirmou a diretora operacional do SAC, Carla Santiago.

Por enquanto, o RG Expresso está disponível nos SACs da capital, mas será disponibilizado para todo o estado. Em Salvador, inicialmente, o serviço está disponível apenas nos postos dos Shoppings Barra, Bela Vista, Salvador, da Bahia e Paralela, além de Cajazeiras e Liberdade. Ao fazer o pedido online, o cidadão deve informar o posto SAC de preferência para retirada do documento.

Para usar o RG Expresso, o cidadão deve possuir todas as biometrias cadastradas no sistema, como fotografia, impressão digital e assinatura. Além disso, a retirada do RG só poderá ser feita pelo próprio titular, que vai precisar autenticar a biometria. No estado, cerca de 2 milhões de pessoas atendem aos requisitos para solicitar o documento. O RG Expresso apresenta a data de expedição da última via solicitada presencialmente, além da data do novo pedido. O serviço também contou com a colaboração da Secretaria da Fazenda (Sefaz) e da Companhia de Processamento de Dados (Prodeb) para realização.

Governo do Estado levanta a voz contra o racismo em campanha

Foto: Divulgação.

Para marcar o início das ações relacionadas ao Novembro Negro e reforçar a luta contra o preconceito racial, o Governo do Estado lançou, nesta sexta-feira (1º), um vídeo publicitário que integra a campanha “Todas as vozes contra o racismo. Todas as leis contra os racistas”. O filme de 30 segundos está disponível no canal oficial do Governo no YouTube e foi compartilhado pelo governador Rui Costa, na manhã de hoje, em seus perfis oficiais nas redes sociais.

“A Bahia é o único estado brasileiro que tem uma secretaria estadual para promoção da igualdade racial e vamos fortalecer, cada vez mais, nossas políticas públicas para lutar por reparação e igualdade”, escreveu o governador no Facebook. Ao longo do mês, o Governo do Estado, por meio de ações coordenadas pela Secretaria de Promoção da Igualdade Racial (Sepromi), realiza e apoia diversas atividades, tendo como ponto alto o 20 de novembro, instituído como Dia Nacional da Consciência Negra. O lançamento da programação será na noite desta sexta, no Teatro Castro Alves, às 19h.

No vídeo lançado hoje, criado inicialmente para veiculação nas redes sociais, gritos ofensivos e aleatórios são lançados aos negros, mostrando a necessidade de abafar a voz dos preconceituosos e elevar a dos afrodescendentes. Criada pela agência Objectiva Comunicação, a campanha circula em todo o estado e é uma das principais ações da Sepromi para o mês de novembro, que contempla ainda espetáculos, marchas e outros eventos.

Números do preconceito

Apesar da representatividade da cultura negra estar presente em cada canto do estado, os registros de preconceito contra a raça seguem em ascensão. Desde a fundação, em 2013, o Centro de Referência de Combate ao Racismo e à Intolerância Religiosa Nelson Mandela, da Sepromi, registrou 603 queixas, sendo 348 por racismo, 187 por intolerância e 66 casos correlatos. Ao longo de seis anos, estes números saltaram de 14 em 2013 para 141 casos em 2018.