JABES RIBEIRO E VALÉRIO DE MAGALHÃES ROMPIDOS

 

Valério de Magalhães.

O ex-prefeito de Ilhéus, Jabes Ribeiro, tem dito a amigos e correligionários que o jornalista Valério de Magalhães não será o seu “homem forte” da comunicação, num eventual quarto mandato.

Jabes guarda mágoa de Valério, pois nos momentos em que mais apanhou, depois que saiu do governo no final de 2004, o seu “ex-fiel assessor” nunca apareceu se propondo a defendê-lo na opinião pública.

Há quem acredite que Jabes, na verdade, tenha criado a notícia de uma suposta ruptura, para gerar expectativas na imprensa. Muitos gostariam de gerenciar a comunicação oficial durante 4 anos. O interesse pelo cargo pode livrar o ex-prefeito de críticas diretas.

Outros garantem que Ribeiro jamais abriria mão de Valério, uma vez que o jornalista é tenente antigo do “jabismo”, desde 1984. No comando da comunicação oficial, Magalhães criou e instituiu a célebre diretriz “bata no secretário, mas não bata no prefeito”, axioma que agradava muito o comandante, dado a fazer pequenos afagos na liberdade de imprensa.

De qualquer forma, é possível enxergar prováveis substitutos. O publicitário Rildo Mota é um, já que dispõe da predileção de Isaac Albagli, jabista mais importante e influente.

O radialista Maltez de Atahyde também é cogitado. Esse, além de amar Jabes de coração, tem fotografias do ex-prefeito espalhadas no seu escritório.

COMPARAÇÃO COM BEIRA-MAR IRRITA RENAN CALHEIROS

O senador Renan Calheiros (PMDB-AL) se irritou quando questionado sobre sua presença no Conselho de Ética e Decoro Parlamentar da Casa. Renan já foi condenado duas vezes pelo colegiado, mas acabou absolvido em plenário.A paulada final veio quando o repórter Danilo Gentili do CQC, da TV Bandeirantes, comparou a presença de Renan no conselho, com uma hipotética nomeação do traficante Fernandinho Beira-Mar para chefiar a Secretaria Nacional Antidrogas.

Muito irritado, Renan berrou pelos corredores do senado e solicitou a intervenção da polícia administrativa, que determinou a saída da equipe por falta de autorização para gravar no local.

Informações do Estadão.

DEMITIDO POR CRIAR ENQUETE SOBRE “SEXO GAY NO NAZISMO”

Do Portal Comunique-se

Um profissional, que não teve o nome divulgado, foi demitido do Grupo Folha na noite de quarta-feira (27/4), após ter sido responsabilizado pela publicação da enquete “Sexo gay no nazismo”, no site da Livraria da Folha. A pergunta lançada, para saber se os leitores teriam relações homoafetivas se fossem prisioneiros em algum campo nazista, cita o livro Triângulo Rosa, obra baseada em depoimentos de um homossexual, sobrevivente ao Holocausto.

Em nota, a direção da livraria da Folha afirmou que a enquete era “inapropriada e desrespeitosa à memória das vítimas do Holocausto”. A equipe também lamentou o episódio e pediu desculpas “a todos os que se sentiram ofendidos” pela publicação da enquete, que no fim da tarde de ontem já havia sido retirada da página online do Grupo Folha.

DESTAQUES DA REVISTA CONTUDO

A edição 13 da revista CONTUDO, que chega às bancas neste sábado, traz como destaque principal o trabalho da ONG Casa do Obeso, que resultou na aprovação da cirurgia bariátrica, custeada pelo SUS, em Itabuna.

Numa entrevista com a psicóloga Samara Pitombo, ela analisa o cenário protagonizado pelos jovens em Itabuna. Desde os problemas com drogas até a compulsão pelo computador e suas conseqüências.

A revista CONTUDO é vendida em todas as bancas de Ilhéus e Itabuna e custa somente R$ 2,00.

 

HELENILSON CHAVES NA CONTUDO

A edição de número 11 da revista CONTUDO, que chega às bancas nesse sábado, traz uma entrevista com o empresário grapiúna Helenilson Chaves, que conta detalhes do mega investimento feito na ampliação do Shopping Jequitibá.

Chaves revela também que já quis ser prefeito de Itabuna e conta os motivos que o fez desistir.

A edição ainda fala sobre o Entroncamento da Morte, como está sendo conhecido o trecho do viaduto localizado em frente à Churrascaria Los Pampas, na rodovia Ilhéus-Itabuna.

A CONTUDO é vendida em todas as bancas de Ilhéus e Itabuna e custa somente R$ 2,00.

MARCADO O 2º ENCONTRO NACIONAL DOS BLOGUEIROS PROGRESSISTAS

Por Altamiro Borges

Está definido: o II Encontro Nacional dos Blogueiros Progressistas ocorrerá nos dias 17, 18 e 19 de junho, em Brasília. A escolha da data e do local respeita as resoluções do primeiro encontro nacional, realizado em agosto 2010, em São Paulo, que reuniu 330 blogueiros e twitteiros de 19 estados da federação.

Na ocasião, a plenária votou democraticamente que os encontros nacionais deveriam ser anuais, sempre precedidos de eventos estaduais preparatórios. Também foi aprovado que eles seriam feitos no primeiro semestre, fora do calendário eleitoral – para evitar contágios indevidos neste movimento plural e amplo.

Já na ficha de avaliação, a ampla maioria opinou que o segundo encontro deveria ser feito em Brasília – para facilitar o transporte das delegações do Norte e Nordeste. A idéia é que a cada ano o encontro ocorra num estado diferente [neste sentido, os candidatos ao terceiro encontro, em 2012, já devem se manifestar].

(mais…)

SOMOS QUASE OS MESMOS E VIVEMOS COMO OS ANCESTRAIS

Por Malu Fontes

As notícias que chegam diariamente via televisão, jornais e internet sobre o admirável mundo novo da ciência e da tecnologia embalam o sonho de que a civilização, sobretudo a que habita os países mais ricos do mundo, estão prestes a habitar uma civilização que controlará a natureza graças aos mecanismos sofisticados de uma revolução científica sem precedentes que são anunciados todos os dias. No entanto, o poder da ciência é tão real quanto mítico e basta um dar de ombros da natureza, através de uma placa tectônica que sustenta uma das nações mais ricas e tecnológicas do mundo, o Japão, para ver o mundo civilizado comportando-se com o mesmo terror que deve ter sido experimentado pelos ancestrais diante dos dilúvios bíblicos creditados à ira divina.

O Japão, a nação que até um par de dias atrás era a segunda mais rica do mundo e acabou de descer um degrau, empurrada pela China, assombra o mundo há uma semana com uma catástrofe de consequências jamais vistas e cuja fórmula tem como ingredientes básicos os quatro elementos essenciais da natureza: água, terra, fogo e ar. O país amanheceu rico, orgulhoso de ser não apenas a terceira economia do mundo, mas o de ser o grande exportador de tecnologia de ponta, super bem sucedido no uso da energia nuclear, com quase 60 usinas nucleares em funcionamento, além de ser o mais bem preparado do mundo para lidar com terremotos. O Japão que anoiteceu foi um outro país, com parte de seu território destroçado, com vastas regiões devastadas, cidades transformadas  em ondas gigantescas de lama e entulho formadas por casas destruídas flutuantes, carros, barcos, pontes, árvores.

(mais…)

MULHER, RÁDIO E RELIGIÃO NA CONTUDO DESTA SEMANA

 

A capa da semana, numa arte do designer gráfico Matheus Vital.

A revista CONTUDO chega às bancas neste sábado, em sua oitava edição. Como na última terça-feira se comemorou o Dia Internacional da Mulher, a matéria de capa não poderia abordar outro assunto. A reportagem coloca em destaque a deputada Alice Portugal (PCdoB), única mulher representante baiana a ocupar nessa legislatura uma vaga na Câmara Federal.

A Contudo revela a postura do PMDB itabunense para a sucessão de 2012. E relembra o caso do ex-vereador Emanoel Acilino  que devolveu R$1,1 milhão ao Executivo, à época comandado pelo também petista Geraldo Simões.

Saindo do cenáro político, a revista trás uma matéria e uma ampla entrevista com o radialista itabunense Orlando Cardoso, que completou mês passado 50 anos de profissão.

SERPENTINA CHINESA PARA INGLÊS LER

Por Malu Fontes

Além da convulsão social e política no mundo árabe e no norte da África, os telejornais têm se voltado, nos últimos dias, quase que totalmente para o Carnaval, desde os preparativos das Escolas de Samba do Rio (e de São Paulo, é bom não esquecer), a qualquer cobertura local que junte um punhado de gente e que atenda pelo nome de ensaio, feijão ou lavagem. Nas semanas e dias que antecederam a festa, no entanto, quatro eventos trágicos turvaram um tantinho o tom festivo da cobertura. No início de fevereiro, um grande incêndio na Cidade do Samba, uma espécie de barracão construído pelo poder público no Rio de Janeiro para funcionar como local de construção e montagem de fantasias e carros alegóricos das Escolas de Samba, destruiu boa parte dos elementos já prontos de três escolas. Uma delas, perdeu quase 100% dos adereços, fantasias e carros do desfile.

Na última semana, uma tragédia surreal ocorreu em uma cidade do interior de Minas, Bandeira do Sul, onde cerca de 100 pessoas foram eletrocutadas em uma festa de pré-carnaval, das quais 16 tiveram morte fulminante. O acidente foi causado por uma inocente serpentina atirada ao ar, como é natural em tempos de Carnaval, por um dos foliões. A serpentina perde a inocência e, por incrível que pareça, o seu dono também, sob a ótica dos telejornais que reproduziam o discurso de suspeição da Polícia, primeiro por ser importada da China e lhe faltar algum selo de qualidade desses que autorizariam sua venda num armarinho de uma esquina mineira, depois por ter uma liga metálica e finalmente porque a advertência para não ser usada nas proximidades de fios elétricos estava escrita em inglês. Quem já leu um rótulo de serpentina que atire a primeira pedra. Se for ‘Made in China’ e ainda por cima trouxer instruções em inglês então…

(mais…)

“60 MINUTES” DISCUTE O BRASIL

“60 Minutes”, o mais tradicional programa jornalístico da televisão norte americana, da rede CBS, analisou o Brasil de maneira otimista, mas sem ignorar problemas típicos, como a corrupção.

O ex-presidente Lula foi tido como o responsável pelo salto econômico.

Vale a pena assistir.

A QUITINETE É A NOVA SENZALA

Por Malu Fontes.

O diabo, sabe-se, mora nos detalhes. Uma matéria aparentemente despretensiosa, exibida na edição da última terça-feira do Bom Dia Brasil (Globo), traduz os níveis de sofisticação atingidos pelo capitalismo contemporâneo no processo de transformação voluntária, consentida e dócil da mão-de-obra assalariada, embora ‘diferenciada’, que move as engrenagens do mundo. Com ares publicitários e entre sorrisos literais, os âncoras do Bom Dia, Renato Machado, Renata Vasconcelos e Carla Vilhena, anunciavam em tons festivos e celebratórios a mais nova tendência do mercado imobiliário em São Paulo: o boom de construção de apartamentos de um dormitório, com no máximo 30 metros quadrados, que vendem hoje mais que pão quente. E não são para solteiros nem para recém-formados, mas para famílias pequenas com objetivos muito claros: melhorar a qualidade de vida (sic), não tendo que cuidar de lares maiores, que dão muito trabalho e exigem empregado doméstico, aliado ao fato de não perder tempo no trânsito e, principalmente, morar perto do trabalho.

Os apresentadores, sempre entre sorrisos típicos de quem anuncia um design novo de algo fundamental e redefinidor, para melhor, da vida contemporânea, anunciavam, num tom menos para o jornalismo e mais para o publicitário, o quanto é mais fácil, barato e prático trocar um apartamento comum ou uma casa mais confortável por um armário de 30 metros quadrados desde que essa troca seja justificada pelo auto-engano da conquista de mais qualidade de vida por morar perto do trabalho e não perder mais tempo no trânsito.

(mais…)

DOCUMENTÁRIO ACELERA ILHÉUS

O documentário “Acelera Ilhéus”, produzido pela TV Cabrália – Rede Record News – será apresentado nesta segunda-feira (28), às 18h25min, no intervalo entre os programas “Record News Bahia” e “Nordeste no Ar”.

Com cerca de 12 minutos de duração, o Acelera Ilhéus mostra as potencialidades do município e aspectos dos diversos segmentos sociais, econômicos e políticos da cidade.

O documentário enfatiza o grande volume de recursos que Ilhéus vem recebendo nos últimos meses e que estão sendo investidos na área de infraestrutura.

 

A BIOLOGIA AINDA RI DA PANACÉIA

Por Malu Fontes.

Um dos fatos mais abordados pelo jornalismo brasileiro durante a semana, em todas as mídias, foi o anúncio da despedida de Ronaldo, “O Fenômeno”, dos campos de futebol. Horas de telejornalismo esportivo, links incontáveis em sites e portais de todo o mundo e manchetes de jornais em todos os idiomas foram usados para elogiar o percurso de um atleta considerado um dos mais brilhantes e talentosos de sua geração e, de modo subliminar, para jogar areia no discurso pirlimpimpim acerca dos milagres hoje anunciados em todos os meios massivos de comunicação que garantem a eternização da juventude e do vigor físico.

INVERDADES – As manchetes que anunciavam a retirada de campo de Ronaldo dividiam-se entre a abordagem do encerramento da carreira em si e a frase de efeito dita pelo atleta, cujas palavras para justificar a decisão de parar de jogar foram: “eu perdi para o meu corpo”, acrescentadas de lamentos sobre a tristeza que é para um atleta elaborar mentalmente uma estratégia de jogo e o corpo não mais conseguir obedecer e executá-la. Para dar tons mais romanescos ao seu canto do cisne da bola, tentou introduzir um tantinho de culpa na imprensa que há tempos vem fazendo troça do seus 100 quilos. Atribuiu o sobrepeso ao fato de sofrer de hipotireoidismo, uma deficiência do organismo que retarda a velocidade do metabolismo e dificulta a perda de peso.

(mais…)