AS MENINAS DO VIADUTO PAULO SOUTO

Primoroso artigo de Daniel Thame.

as meninas do viadutoUma foto, às vezes, “fala” mais do que mil, milhões de palavras.

Em sendo assim, o que acrescentar à foto do repórter Oziel Aragão, que mostra duas adolescentes, de 14 e 16 anos, se prostituindo no viaduto Paulo Souto, no trevo entre a BR 101 e a BA 415?

Tirando essa maldita mania bajulatória de se dar nome de políticos vivos pontes, viadutos, prédios públicos e quetais, verdadeira praga nacional, a foto revela justamente a ausência do poder público, a histórica inoperância dos nossos governantes para combater essa outra praga: a exclusão social.

Pode parecer ingênuo ou piegas, mas se houvesse menos investimentos em viadutos, pontes e prédios faraônicos que alimentam a vaidade de quem lhes empresta o nome e, não raro, engorda dos bolsos de quem patrocina a obra; e fossem injetados mais recursos em educação, saúde, esporte e geração de empregos, muito provavelmente essas duas jovenzinhas não estariam ali, sob o viaduto, comercializando o corpo e a alma.

As duas meninas captadas pelas lentes de Oziel Aragão, se prostituindo em troco de 5 ou 10 reais, submetidas a humilhações, constrangimentos e muitas vezes agressões físicas; se multiplicam em viadutos, postos de gasolina e restaurantes ao longo da BR 101 e em outras rodovias brasileiras.

São centenas, milhares delas, num desfile de corpos desde cedo marcados pela brutalidade. Meninas-moças precocemente transformadas em mulheres sofridas, sem presente e sem perspectiva de futuro.

Jovenzinhas que deveriam estar na escola ou em atividades de esporte e lazer, lançadas à incerteza das estradas da vida.

(mais…)

A ÚLTIMA VÍTIMA

manuel leal

Artigo de Daniel Thame.

A Bahia viverá na próxima segunda-feira, dia 21 de setembro, um momento único por aquilo que traz de simbolismo.

Neste dia, que já pode ser qualificado como histórico, a Secretaria de Justiça e Direitos Humanos do Governo da Bahia realiza um ato de reparação, reconhecendo a responsabilidade do estado no assassinato do jornalista Manuel Leal, por não garantir sua segurança e liberdade de expressão.

Trata-se da primeira vez que um estado brasileiro acata uma recomendação do Comitê Interamericano de Direitos Humanos, entidade que solicitou a reparação.

Manuel Leal, diretor do semanário A Região, foi assassinado em janeiro de 1998, numa emboscada em frente à sua residência no Jardim Primavera, bairro da periferia de Itabuna, a poucos metros das sedes da Polícia Civil e do Batalhão da Polícia Militar.

Na época, o jornal vinha fazendo denuncias fartamente comprovadas contra autoridades municipais e estaduais.

(mais…)

DESEMBARGADOR PARTICIPA DE AUDIÊNCIA SOBRE CONFLITOS NA ZONA RURAL

ASCOM: câmara de vereadores de Ilhéus.

REUNIÃO SEGURNAÇA NO CAMPOAconteceu na Câmara de Vereadores de Ilhéus uma reunião pública sobre o combate a violência no campo. A reunião tem o objetivo de debater a questão da violência no campo, cujos motivos são os conflitos em torno da demarcação das terras indígenas que seria feita nos municípios de Ilhéus, Una e Buerarema.

Como correto em discussões transparentes, de cunho social, todas as partes interessadas foram convidadas, porém apenas os representantes dos agricultores compareceram.

Entre as autoridades presentes estavam o desembargador Gercino José da Silva Filho; o presidente do legislativo ilheense, vereador Jailson Nascimento; o prefeito de Ilhéus, Newton Lima; representantes da Prefeitura de Buerarema; o prefeito de Una Dejair Birschner; além de representantes de sindicatos agrários e de famílias do campo e autoridades policiais.

Ao final da Audiência Pública, houve uma reunião na sala da presidência da Câmara em que estavam presentes o desembargador, o delegado chefe da Policia Federal Cristiano Barbosa Sampaio, Drª Lícia Vieira, coordenadora da 7ª COORPIN, Ten. Coronel Batista Comandante do 2º BPM, o Prefeito Newtom Lima, o Presidente do Legislativo ilheense Jailson Nascimento, além de outros representantes de órgãos federais.

COMERCIANTE É ASSASSINADO EM CONQUISTA

Do Blog do Marcelo.

comerciante executadoUm homem, aparentando 35 anos, foi abatido a tiros, por volta das 11:45 desta manhã, no bairro Alto Maron, em Vitória da Conquista.

Segundo informações, trata-se de Gilson Santos Soares, proprietário de uma mercearia no Panorama. Testemunhas relatam que ele foi vítima de um latrocínio. Quando saia de um bar, Gilson teria sido abordado por um ou dois assaltantes, que exigiram entregar a moto em seu poder. Ele teria reagido e foi então morto, a queima roupa, com dois tiros na cabeça.

Outros relatos indicam que Gilson pode ter sido vítima de vingança. O corpo está no aguardo da chegada da perícia, para levantamento cadavérico, enquanto populares e curiosos permanecem no local.

Clique na imagem para ampliar.

SEGUNDO O DEM, VIOLÊNCIA NA BAHIA É DESTAQUE NA EUROPA

O partido Democratas (BA) destaca uma matéria do diário espanhol El Pais, sobre a onda de violência no estado.

Leia o e-mail enviado pelo ex-PFL.

Principal jornal europeu da atualidade, o El Pais, da Espanha, abriu espaço para divulgar a escalada da violência na Bahia no governo Jaques Wagner. Com o título “Bahía, tomada por los narcotraficantes”, a reportagem, apesar de extremamente verídica, é péssima para a Bahia, pois afujenta turistas e empreendedores do nosso estado.

(mais…)

GOVERNOS ANTERIORES SÃO RESPONSÁVEIS PELA VIOLÊNCIA EM SALVADOR

Afirmação do líder do governo Wagner na assembléia legislativa do estado, Waldenor Pereira.

O deputado estadual responsabilizou os governos anteriores pelo quadro da segurança no estado e disse que o atual governo está fazendo um grande esforço para reverter a situação, comparando que no período de janeiro a junho do terceiro ano de gestão foram gastos 44,05% do orçamento na segurança, enquanto a administração de Paulo Souto investiu apenas 38,46%.

Com informações do BahiaJá. (clique aqui).

TENTOU ASSALTAR NO CENTRO E FOI PEGO PELA “GALERA”

Por voltas 16: 10 h desta quarta-feira (09), um assaltante portando um revolver calibre 38, tentou roubar a relojoaria de Pedro Carlos, próxima a Barrakítica, no centro de Ilhéus.

Ao perceber que o bandido estava de óculos escuros na entrada da loja, o proprietário tentou sair e foi avisado do assalto.

Corajosamente, Pedro Carlos começou a gritar, chamando a atenção de algumas pessoas que passavam no local. Quando percebeu que a tentativa “sujou”, o bandido saiu correndo pela rua General Câmara, e jogou a bolsa que escondia a arma em um terreno murado.

Daí em diante foi só “porrada”. O meliante foi rendido por populares e entregue aos policiais.

Não fomos à delegacia colher o nome do assaltante. A identificação provavelmente será divulgada no Tropa de Elite (Marinho Santos/Conquista FM) ou no Patrulhando a Cidade (Raimundo Jackson/Rádio Santa Cruz).

DSC00358

DSC00360

DSC00361

97 MORTES NO FERIADÃO DA INDEPENDÊNCIA

Encontrado no Sul Bahia News.

acidenteA Polícia Rodoviária Federal (PRF) registrou 97 mortes e 436 flagrantes por embriaguez em motoristas durante o feriado de 7 de Setembro em todo o país, de acordo com balanço divulgado hoje (8). Mais de 10 mil motoristas foram submetidos ao teste de alcoolemia (bafômetro) e feitas 229 prisões. Somente no domingo, 150 motoristas foram autuados por dirigir depois de ingerir bebidas alcoólicas.

Minas Gerais registrou maior número absoluto de ocorrências, com 480 acidentes, 24 mortes e 77 feridos. Os outros estados com mais acidentes foram o Paraná (278), Santa Catarina (251), o Rio de Janeiro (204) e o Rio Grande do Sul (157). A Bahia teve 11 mortes, seguida do Paraná (nove), do Rio de Janeiro (oito) e de Santa Catarina e Pernambuco (empatadas, com sete mortes cada).

A Operação Independência foi realizada entre zero hora de sexta-feira e 24h de segunda-feira (07) nas 27 unidades da Federação. Foram feitos 2.329 boletins de ocorrência e registrados 1.412 acidentes sem vítima, 70 acidentes com mortes e 1.487 feridos que receberam socorro da PRF.

Leia mais.

BANDIDOS ENCAPUZADOS INVADEM CASA NA ZONA SUL

bandido encapuzado

Do Jornal Tropa de Elite.

Quatro elementos armados com revólveres, sendo que três estavam encapuzados, invadiram a residência do servidor público estadual Ivan Oliveira Brandão, 46 anos, morador do condominio Parque Verde, bairro Hernane Sá em Ilhéus. Após tocarem a campainha a filha de Ivan inocentemente sem observar pelo “olho mágico” foi surpreendida quando os elementos adentraram o interior da casa mediante grave ameaça, iniciaram um saque na residência levando 2 sacolas de cor preta contendo livros, um MP7 MIDI, um MP9 VAIC e um NOKIA 2660, 2 relógios de pulso. O quarto elemento ficou na área externa, mas precisamente após o portão de entrada, mantendo sob a mira de uma arma de fogo a filha de Ivan, em seguida deflagrando um tiro em direção à cadela pinscher que veio em defesa da garota, ferindo-a na pata dianteira esquerda. O fato está sendo investigado pela Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos através do serviço de investigação SI, e já existe pista através do ultimo meliante que não usava capus e foi reconhecido como sendo todos os autores moradores do bairro Nossa Senhora da Vitória e acostumados na prática de furtos e roubos.

Leia mais.

MORADORES DE CASTELO NOVO AMEAÇAM INCENDIAR ÔNIBUS

Os moradores de Castelo Novo, em Ilhéus, estão revoltados com a empresa de transporte coletivo São Miguel, que mantém uma linha para o distrito.

A comunidade se diz maltratada, pois os veículos que atendem a localidade estão operando apenas com o motorista, descumprindo a lei orgânica do município, que proíbe as concessionárias de utilizarem a figura do “motocobra” (motorista e cobrador ao mesmo tempo).

Sem a presença do cobrador a duração da viagem fica ainda mais demorada, irritando demasiadamente os usuários.

Queixas já foram encaminhadas à secretaria de transportes, que até agora não tomou nenhuma providência.

Diante da situação, alguns moradores insinuam “tocar fogo” nos veículos, atitude que na opinião deste Blog é desnecessária, já que não concordamos com a violência.

O caminho ideal é a justiça.

TRABALHO ESCRAVO É FLAGRADO EM OBRA DO PAC

Da Folha de São Paulo.

Reportagem de Eduardo Scolese.

Fiscais resgatam 98 trabalhadores em construção de usina no interior de Goiás

Em instalações sem cama nem banheiro, funcionários trabalhavam em troca de comida, acumulavam dívidas e não recebiam salários

Fiscais do governo federal e do Ministério Público do Trabalho encontraram e resgataram 98 trabalhadores em regime análogo à escravidão numa obra que integra o PAC (Programa de Aceleração do Crescimento), no sul de Goiás.

A partir de uma denúncia, a ação de procuradores e de auditores do Ministério do Trabalho numa usina hidrelétrica começou no início da semana passada e somente foi concluída na madrugada de anteontem, quando os trabalhadores foram indenizados e puderam retornar às suas casas.

A construção da usina Salto do Rio Verdinho é de responsabilidade da Votorantim Energia, braço do Grupo Votorantim, e tem o apoio do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social), que no final do ano passado injetou cerca de R$ 250 milhões na sua implantação.

Planalto e PT apostam no PAC como uma vitrine da candidatura petista para a sucessão de Lula no ano que vem. Na semana passada, a ministra Dilma Rousseff (Casa Civil), pré-candidata petista a presidente, aproveitou um evento sobre saneamento para, em discurso, falar das preocupações sociais e ambientais do programa. Ela chegou a compará-lo ao Bolsa Família.

(mais…)

JOVEM COMETE SUICÍDIO EM FRENTE A WEBCAN

Da Tribuna da Bahia.

Um jovem chileno de 26 anos se enforcou em frente a uma webcam enquanto conversava com sua ex-namorada, que presenciou o suicídio e avisou a alguns dos amigos do rapaz para que o ajudassem. O socorro não chegou a tempo para evitar sua morte, informou o site do jornal local “La Tercera”.

O rapaz foi identificado como Simón Venegas, morador de San Felipe, a 88 quilômetros ao norte de Santiago. A garota tem 23 anos. Venegas tentou convencer a jovem a dá-lo outra chance e indiretamente anunciou sua intenção de suicídio.

Posteriormente, virou a câmera para um terraço próximo e se enforcou com um cabo.

(mais…)

ASSASSINO DA PEDIATRA RITA DE CÁSSIA SE MATOU NA CADEIA

De A tarde.

assassina da médica Rita de CássiaO detento Gilvan Cleucio de Assis, 39 anos, réu confesso do assassinato da médica pediatra Rita de Cássia Tavares Martinez, 39, morta em 6 de agosto passado, se matou usando uma tereza (corda de lençóis) na Delegacia de Homicídios, onde aguardava a conclusão do inquérito policial, no final da noite desta sexta, 04. A informação é da Divisão de Homicídios da Secretaria de Segurança Pública (SSP). O corpo de Gilvan foi encontrado por policiais por volta das 23h50 e já seguiu para o Instituto Médico Legal, onde será feita autópsia.

Segundo a polícia, o assassino da médica amarrou a teresa na parte superior da cela e se jogou do beliche. Ele ocupava uma cela com mais três presos, dentre eles José Cardoso dos Santos, acusado de envolvimento no assassinato do ex-deputado Maurício Cotrin.

A delegada Andrea Ribeiro, da Divisão de Homicídios, que está à frente das investigações sobre o assassinato da médica, colheu o depoimento de três presos ainda na madrugada deste sábado, 05. O homem acusado da morte do deputado Cotrin alegou que quando acordou, Gilvan já estava morto.

Leia mais.

LEI MARIA DA PENHA ESTÁ SOB AMEAÇA

Fonte: Tribuna da Bahia.

Após três anos de sansão e normas, a Lei 11.340 – Maria da Penha – está sob ameaça. O entrave parte do Projeto de Lei do Senado (PLS) 156/09, que reforma o Código de Processo Penal e revoga o artigo 41 da Lei Maria da Penha, quase toda a parte específica sobre proteção da mulher. Além de ter o entrave da Lei do Senado, a Lei Maria da Penha tem ainda como questões cruciais para a sua sobrevivência as ações que questionam, no Supremo Tribunal Federal (STF) e no Superior Tribunal de Justiça (STJ), a constitucionalidade da legislação e seus procedimentos. Atualmente, a Bahia lidera o ranking no Nordeste em número de denúncias de violência contra a mulher através da Central de Atendimento à Mulher – telefone 180 -, com 9.887 denúncias.

Tanto em relação à reforma do Código de Processo Penal quanto às ações na Justiça, um ponto central de discórdia é a Lei 9.099/95, que instituiu os juizados especiais criminais e cíveis. O texto do PLS 156/09, que foi elaborado por uma comissão de juristas e será relatado pelo senador Renato Casagrande (PSB-ES), integra toda essa lei ao código. Dessa forma, é revogado o artigo 41 da Lei Maria da Penha, que exclui da incidência da Lei 9.099/95 os crimes de violência contra as mulheres.

Leia mais.