BLOG DO GUSMÃO

Menu

Siga-nos

O SOFRIMENTO DE DONA MARIA ZÉLIA

cartaDona Maria Zélia, moradora do sítio São José em Ilhéus, há 3 anos faz hemodiálise.

Idosa (63) e renal crônica, ela reclama que para fazer o procedimento, é obrigada a andar 800 metros para pegar o ônibus. O transporte cidadão, serviço que vai até a residência dos deficientes, se recusa a entrar em seu bairro.

Dona Zélia não recebe o benefício do INSS, e não tem dinheiro para comprar a alimentação “especial” recomendada pela médica.

Não tendo a quem recorrer, ela fez uma carta para o presidente da associação dos renais crônicos (Militão Teixeira), pedindo ajuda.

O Blog do Gusmão apurou que a associação tem ajudado dentro do possível, mas, infelizmente, Dona Zélia continua andando os 800 metros, e ainda não recebeu o cartão que lhe garante gratuidade no transporte coletivo municipal, como manda a lei.

Uma vergonha!

Clique na imagem e leia a carta.

WhatsApp
Facebook
Twitter
Email
Print

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Newsletter

Fique Informado

Assine a newsletter e receba as notícias que você não pode perder diretamente no seu e-mail.
É rápido. É fácil. É de graça.

Siga-nos
Mais lidas
novembro 2009
S T Q Q S S D
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30