BLOG DO GUSMÃO

Menu

Siga-nos

MPE PEDE A INDISPONIBILIDADE DOS BENS DE NEWTON LIMA

Do Pimenta

Newton Lima de novo na mira do MPE.

O Ministério Público Estadual (MPE) ingressou com ação de improbidade contra o prefeito de Ilhéus, Newton Lima, e pediu a indisponibilidade dos bens do gestor. A ação é relativa ao calote do governo em bancos nos quais servidores municipais contraíram empréstimos consignados. A prefeitura descontava parcelas mensais do funcionalismo e não as repassava aos bancos.

De acordo com a promotora Karina Cherubini, o montante da dívida chega a R$ 1.096.104,00 com diversas instituições. A ação de improbidade versa sobre o convênio da prefeitura com o Banco Paraná.

A prefeitura descontou R$ 224.544,01 dos servidores da Saúde, mas o banco alegou não ter recebido os repasses, ingressando com ação. O município acabou reconhecendo a dívida e afirmou que os recursos da saúde eram suficientes “apenas para pagar a folha líquida”.

A confissão acabou motivando a ação por improbidade administrativa do MP contra o prefeito, afastado do cargo desde a semana passada por problemas de saúde.

– O demandado não adotou qualquer providência contra qualquer secretário municipal que tenha deliberado em deixar de fazer o repasse -, anota a promotoria, que complementa lembrando, ainda, que a prática representa lesão aos cofres municipais.

A promotora Karina Cherubini assinala que a dívida é resultado da “conduta omissiva” do prefeito Newton Lima. O débito ocorreu entre 2008 e este ano. A promotoria também observa que o prefeito, nem mesmo diante da alta rotatividade de secretários, determinou qualquer “auditoria e regularização das contas públicas” da Pasta.

O MP requer a indisponibilidade dos bens de Newton Lima até o valor da ação (R$ 225 mil) que corre na 2ª Vara Cível e Privativa da Fazenda Pública da Comarca de Ilhéus. Uma servidora atingida pelo calote da prefeitura diz que teve prejuízos, pois o nome dela foi incluído no Serasa. “É um desrespeito da prefeitura, que desconta do nosso salário e não repassa ao banco”.

WhatsApp
Facebook
Twitter
Email
Print

9 respostas

  1. Ei aí o diagnóstico médico de Newton “Fraude” Lima: safadeza congênita e desonestidade adquirida.

    Tratamento: alguns anos de cadeia e a devolução do que foi roubado.

  2. Está explicado a enfermidade do Sr Newton Limão.

    Neste caso é melhor ele ficar por lá mesmo.

    Esta dívida ai ele pode pagar sem problemas só vender a cobertura do Jardim pontal e a casinha lá no condomínio Atlântico Sul quita isto ai de olhos fechados.

  3. Senhor Carlos Cesar.
    Esclarecendo-o: O Assessor morde-assopra veio pra salvar! Entanto em momento algum, ficou esclarecido nem foi divulgado o que ele veio salvar; se ao Prefeito Newton de grave situação e repúdio popular ou seu próprio sustento e manutenção pessoal, pois “morde-assopra” se encontrava em “disponibilidade” boiando à esmo sem uma boquinha na política baiana pra comprar o feijão com arroz.
    Tenho a impressão que não colou! Aqui já não tem nem feijão com arroz pra ninguém, nem para os pseudos “salvadores”. Tá sobrando gente com uma fome danada. Só tem fumo mesmo… E do grosso!

    O feijão com arroz está sendo mal cozido em banho-maria lá no Ministério Público! Acho que vai ser uma comida indigesta no final de tudo!

  4. É, mas quem desconta do funcionário e não paga aos bancos é Jorge Bahia. Essa situação é mérito dele. Não vamos desviar os fatos. Newton Lima é o ordenador das despesas, por isso responde. Mas o aconselhador principal, que diz, não tem motivos pra preocupação e que detonou as finanças o a aliança política não foi o Lavigne, foi o Bahia. Esse ninguém duvida, não arrumou a cidade, mas arrumou outras situações. E como se arrumou…

  5. Com uma Procuradoria como essa de Ilhéus, o prefeito não precisa de mais oposição. Eles já são o bastante. Viva a oposição dos procuradores!

  6. Srª de grande magnitude, promotora colocada no hanking das atuações, parabéns pela atitude, estes só pagam assim, deixando-os como começou sem nada! o que me chama atenção é um pequeno detalhe! Porque sua caneta não pesa neste caminho contra a familia Roubeiro, (jabes, joabs, jonh Peti)?

  7. A CULPA É EXCLUSIVA DO SECRETÁRIO DE SAÚDE QUE DESCONTAVA OS CONSIGNADOS DO SALÁRIO DOS SERVIDORES E NÃO REPASSAVA AOS BANCOS.

    AÍ MINHA AMIGA ROSINHA DE VALENÇA, NÃO TEM PROCURADOR QUE DÊ JEITO. ATÉ AONDE EU SEI, A ORIENTAÇÃO DA PROCURADORIA ERA PRA PAGAR AOS BANCOS, E PELO QUE PARECE, NÃO FOI PAGO. AÍ, MEU AMIGO, NÃO TEM DESPACHO QUE DÊ RESULTADO. AÍ, NEM O PAU DE OGUM RESOLVE.

    SAI PRA LÁ COISA RUIM!!!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Newsletter

Fique Informado

Assine a newsletter e receba as notícias que você não pode perder diretamente no seu e-mail.
É rápido. É fácil. É de graça.

Siga-nos
Mais lidas
setembro 2011
S T Q Q S S D
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930