BLOG DO GUSMÃO

Menu

Siga-nos

VÍDEO: SERVIDOR DA PREFEITURA AMEAÇA JOGAR CADEIRA EM ESTUDANTES

Ontem (quarta-feira, 4), em Ilhéus, estudantes protestaram contra o aumento da tarifa de ônibus. Eles tentaram uma audiência com o prefeito Jabes Ribeiro, mas, não foram recebidos. Incomodado com o protesto, um servidor da prefeitura ameaçou jogar uma cadeira sobre os manifestantes.

Não conseguimos identificar o servidor. A ameça foi respondida com gestos obscenos e um aviso: “vai para a imprensa”. Assista. 

Atualizado às 12h45.

Valmir Machado da Silva, servidor municipal que aparece no vídeo, afirmou que foi xingado pelos estudantes. Confira aqui.

WhatsApp
Facebook
Twitter
Email
Print

4 respostas

  1. Gusmão
    Uso este espaço para esclarecer a notícia sobre servidor que ameaça jogar cadeira.Sou servidor público há 32 anos,graças a Deus entrei limpo e com fé em Deus sairei limpo pois já tenho 43 anos de Previdência paga e 64 anos. Ocorre que nesta manifestação alguns estudantes me pediram água e eu prontamente enchi uma vasilha e arranjei uns copos a eles,outros subiram na janela e ficaram conversando comigo, ai uma estudante sem nenhuma razão me chamou de puxa saco,safado,canalha, eu respondi a ela que não deveria falar assim pois não tinha nada a ver com a manifestação e tinha idade para ser avô dela,ato continuo vieram varios estudantes e passaram a me chamar de filho da puta,vagabundo,puxa saco, descarado e outros improperios.Meu irmão sou hiper tenso e tenho açucar alto.A reação foi em minha defesa e não em defesa de ninguém pois não sou e espero nunca ser puxa saco de ninguém, venha me conhecer para conversarmos.Trabalho no Setor de Tributos.Eles deveriam enviar para você as ofensas que me fizeram no meu setor de trabalho, que gerou a minha reação.Não respeitaram uma pessoa idosa, imagino como devem tratar os seu pais e avós.Gusmão neste tempo de vida que tenho graças a Deus não tenho inimigos, mas sou ser humano. Grato pela sua atenção Valmir Machado da Silva.

  2. Somos seres humanos, movidos por nervos, inclusive em atividade profissional. Porém, devl adverti-lo, Walmir,que apesar de toda grosseria por parte dos estudantes, o senhor deveria ser a parte tolerante e sábia desse caso. Me corrija se estiver sendo injusta com seu passado, mas acredito que as condições de respeito e educação, escolar e familiar, com as quais o senhor conviveu e recebeu sua formação, foram melhores que as dessas crianças. Algumas delas passaram inúmeros meses sem acesso a escola por deficiência do sistema público. Peço desculpas em nomee dos estudantes que sei não aprovarem esse comportamento.

  3. Cara Elisabeth.
    A educação que eu tive começou pelo lar, depois a educação cultural. Estudei em escola pública, logo cedo comecei a trabalhar e estudar ao mesmo tempo. Aos 15 anos eu sai as 4,30 da madrugada para o trabalho e de lá direto para a escola, ia dormir todos os dias após as 23,30horas.Como você pode observar eu dormia 5 horas por dia.Isto numa cidade chamada Rio de Janeiro e mais nos anos mais duros da ditadura.A diferença daquele tempo chama-se respeito que era obrigado e não uma farsa. Meu grande sonho era ser matemático mas a nescessidade de sobrevivência me fez adiar este sonho que me acalenta até o dia de hojé e quem sabe por mais alguns anos.Só DEUS podera definir quantos anos ainda posso sonhar. HAVE A NICE WEEKEND.

  4. Muitos deles estão participando para fazer arruaça, outros estão participando por não concordarem com esse aumento abusivo. Sendo que não é repassado para a população oferecendo melhoria no transporte público. A falta de educação não é justificada por ausência de um ou dois anos letivos, educação vem de casa. A obrigação de educar a criança não é do professor e sim dos pais. Acho que uma questão não justifica a outra. Em relação a se manifestar, acho justo, a partir do momento que respeitem as pessoas, sendo assim, o movimento será respeitado por todos. Não adianta querer fazer apenas por modismo ou para se promover. A fama passa e as máscaras caem…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Newsletter

Fique Informado

Assine a newsletter e receba as notícias que você não pode perder diretamente no seu e-mail.
É rápido. É fácil. É de graça.

Siga-nos
Mais lidas
junho 2014
S T Q Q S S D
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30